skip to Main Content

Corregedoria-Geral de Justiça disponibiliza seu novo Código de Normas – Caderno Extrajudicial

A Corregedoria Geral de Justiça disponibilizou na terça-feira (18/10) no Diário da Justiça Eletrônico (DJe) o novo Código de Normas, Caderno Extrajudicial, igualmente reformulado para se adequar às disposições do Código de Processo Civil e ao normativo atual do Conselho Nacional de Justiça – CNJ.

De competência regimental do corregedor geral, o desembargador Saraiva Sobrinho, tal código finaliza a reunião e uniformização de toda a orientação administrativa nos âmbitos judicial e extrajudicial, especificamente, regendo toda atividade cartorária do estado, tendo como destaques a implantação do Sistema de Controle de Arrecadação das Serventias Extrajudiciais – Sicase (Selo Digital de Arrecadação), o que por si só, propiciará uma melhor e mais efetiva fiscalização dos cartórios em todo RN, de forma semelhante ao que já ocorre em Pernambuco.

Além disso, consolidou as normas pertinentes a Central dos Registradores de Imóveis, indisponibilidade de bens e penhora on-line no Estado do Rio Grande do Norte, o que permite aos magistrados além de pesquisarem a existência de imóveis e registros, remeterem as ordens de penhora ao ofício de Registro de Imóveis correspondente, que, por sua vez, adotará as providências necessárias para promover o ato de registro respectivo, de forma célere e segura.

De igual forma, instituiu o malote digital – sistema hermes como meio de comunicação oficial entre os serviços extrajudiciais e entre estes e os órgãos Poder Judiciário, inclusive Tribunais Superiores.

Nas palavras do corregedor, “com a publicação do caderno extrajudicial do código de normas da corregedoria, a última fase se conclui, no respeitante à compilação e consolidação de todos os provimentos da corregedoria em um único ato normativo, o que por si só, traz uma maior segurança jurídica pela inédita sistematização normativa compilada, dessa instituição centenária do poder Judiciário Estadual”.

Mantendo sua coerência na gestão pedagógica e participativa, a Corregedoria-Geral de Justiça do RN abriu, por um período de dez dias, consulta pública aos representantes da Associação de Magistrados, ao Ministério Público Estadual, à Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional do RN – OAB/RN, à Anoreg/RN e à Associação dos Titulares de Cartórios do Rio Grande do Norte – ATC/RN, que tomaram conhecimento prévio do inteiro teor deste novo Código de Normas, inclusive propondo alterações no seu texto final.

O novo Código de Normas, Caderno Extrajudicial, traz ainda a interatividade por hiperlink aos diversos dispositivos legais e outros atos normativos, em seu texto citados.

Veja o Novo Código de Normas da CGJ – Cadernos Judicial e Extrajudicial nos links abaixo:

Caderno Judicial

Caderno Extrajudicial

Fonte: TJRN

Em 20.10.2016

Back To Top
ACESSO À ÁREA DO ASSOCIADO



Esqueci a senha