skip to Main Content

O Sinter como ferramenta de gestão para o registrador de imóveis

Este artigo objetiva mostrar potenciais benefícios do Sinter como uma ferramenta de trabalho para o registrador de imóvel na gestão administrativa e geoespacial da circunscrição e na regularização fundiária.

Gostaria de destacar alguns serviços do núcleo de nosso sistema que criarão um universo de possibilidades para o registrador de imóveis, como usuário do sistema e gestor de suas próprias camadas de dados.

Construtor de camadas

Em um sistema geospacial de informação como o Sinter, os dados são armazenados em camadas. Isso significa que quando o registrador enviar dados para o Sinter, eles ficarão armazenados em uma camada própria.
Em nossa modelagem de dados, somente que produz o dado é quem pode gerir a camada, o que implica dizer que qualquer operação de inclusão, exclusão ou alteração de dados só poderá ser feita pelo dono daqueles dados.

Dessa forma, o Sinter será um integrador de dados. Tanto as informações cadastrais de imóveis rurais e urbanos provenientes dos municípios, dos estados e dos diversos órgãos da União, como as informações notariais e registrais, nenhuma delas pertencerá ao Sinter. Em nossas regras, os dados pertencem a quem os produz. Nosso papel está restrito a integrá-los em um único banco de dados e harmonizá-los para que possam interagir sobre um único mapa, em n-camadas, abrindo um potencial antes inexistente, quando o dado estava aprisionado em seu próprio cadastro, isolado e sem interação com os demais.

Para viabilizar a criação e gestão autônoma de camadas, estamos planejando desenvolver um construtor de camadas. O modelo abaixo ilustra a criação de camadas de dados no Sinter.

Leia o artigo completo

Fonte: Assessoria de Comunicação do IRIB

Em 30.08.2016

Back To Top
ACESSO À ÁREA DO ASSOCIADO



Esqueci a senha